Translate

segunda-feira, 22 de abril de 2013

Despedida

As palavras dançam 
Dentro da boca.
Que fechada
Não as deixa sair.

Os olhos emaranhados
Demonstram a força
Que os dentes fechados
Ensaiam um sorrir.

Enquanto isso
As palavras mudas
Batem nas "grades"
Tentando fugir.

Tem uma escapando
Força... Segura com a mão
Empurra... Empurra
Ah... Não deu tempo...

Foi ela, 
Quem saiu correndo
E disse com voracidade:
Tudo bem, pode ir!

Por Mariane N. Souza
Foto: Google Images

Um comentário:

  1. Lindo texto. Mais que palavras querendo escapar da boca, nós escritores temos palavras nos escapando da alma!

    ResponderExcluir

UP agradece sua visita e o seu comentário. Sinta-se sempre bem vindo ao nosso cantinho.



Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...