Translate

quarta-feira, 8 de agosto de 2012

Pesadelos

As noites demoram a passar
Nos dias em que o medo é profundo
Os pesadelos vêm nos visitar
Inundando de pavor nosso mundo

Os cobertores até a cabeça tapam
E os olhos temem a se fechar
Clarões e vultos se enxergam
Através da coberta que insiste em gelar

As mãos suam constantemente
E o coro se encolhe tentando esconder
“Fantasmas” perturbam nossa mente
Que clama para o sol aparecer

Orações são feitas baixinho
Pedindo a Deus proteção
O medo dói mais que espinhos,
Mas que some depois da oração.
Por Mariane N. Souza

Nenhum comentário:

Postar um comentário

UP agradece sua visita e o seu comentário. Sinta-se sempre bem vindo ao nosso cantinho.



Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...