Translate

terça-feira, 17 de janeiro de 2012

Seja como for, mas seja...

"Torna-te quem tu és", Nietzsche quando disse isso sabia do que estava falando, mesmo com toda sua arrogância, egocentrismo e suas teorias de que o homem não ajuda o outro por querer ajudar, mas sim para ser superior, ainda tinha consciência quando se referia a personalidade.
Hoje vemos um mundo diferente da época de Nietzsche, diferente em todos os sentidos, tantos os bons, quanto ruins, principalmente no que tange a personalidade. Podemos observar que o agora se tornou fútil, as pessoas que fazem parte da sociedade atual não têm personalidade, tudo que fazem, maneira como agem, músicas que ouvem... são induzidas a fazer o que, na maioria das vezes, não acham o certo a ser feito, agem daquela forma, somente porque outras pessoas agem também. Seria tão simples acabar com essa ignorância que sofremos, com essa futilidade... basta esses 'seres' se tornarem o que realmente são e não viver dentro da casca que os envolvem assim que começam a estar "no meio".
Sinto repugnância e ao mesmo tempo pena, desses pequenos influenciáveis que pensam ser aquilo que não são e buscam agir conforme veem os outros se comportarem. Não queira se tornar mais um em meio a tantos, não seja aquilo que não é, seja diferente, faça como Nietzsche dizia "Torne-te quem tu és".
Por Mariane N. Souza 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

UP agradece sua visita e o seu comentário. Sinta-se sempre bem vindo ao nosso cantinho.



Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...